Uma equipe formada por diretores do Sindicato dos Trabalhadores das Universidades Federais no Estado do Ceará (Sintufce) e por sua assessoria jurídica foi recebida, na tarde da última terça-feira, 10, pelo procurador da República, Alessander Sales, na sede da Procuradoria da República do Ceará (PR/CE), unidade ligada ao Ministério Público Federal (MPF).

Na ocasião, os representantes do Sintufce denunciaram alguns casos, recentes, registrados por técnico-administrativos da Universidade Federal do Ceará (UFC), que vêm sendo vítimas de assédio moral, em decorrência do ponto eletrônico e da dificuldade de liberação de seus setores de trabalho para cumprimento de agenda relacionada à atividade sindical.

De acordo com a coordenadora Jurídica do Sintufce, Cássia Araújo, esses casos de assédio contra os servidores configuram-se como prática anti-sindical dentro da universidade, e que precisam ser investigados. Ela informou ainda que o procurador Alessander Sales solicitou ao Sintufce protocolar todas as reivindicações para que o MPF possa realizar uma mediação dos casos relatados, com a presença de um representante do complexo hospitalar e outro da Reitoria da UFC, a fim de chegar a um acordo sobre todos o problemas elencados.

contact
Endereço
Rua Waldery Uchoa, 50 | CEP: 60.020-110, Benfica / Fortaleza-CE
Telefone
3052.3650 / Fax: 3052.3651