Em reunião nesta quinta-feira, 8 de fevereiro, no Campus da Liberdade, sede administrativa da Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab), o reitor da instituição, Roque Albuquerque, se comprometeu em apoiar a luta pela reestruturação do PCCTAE - o Plano de Carreira dos Cargos Técnico-Administrativos em Educação.

Participaram da reunião o coordenador geral do Sindicato dos Trabalhadores das Universidades Federais no Estado do Ceará (SINTUFCE), Wagner Pires, além dos servidores Victor Teixeira Noronha e Lucas Lucena da Silva, que foram eleitos, ao lado da servidora Karla Mayara Florentino Fernandes, para a Comissão Interna de Supervisão do Plano de Carreira dos Cargos Técnico-administrativos em Educação da Unilab (CIS). Os três apresentaram as principais questões envolvendo a categoria.

Na ocasião, eles entregaram uma carta redigida pela direção da Federação de Sindicatos de Trabalhadores Técnico-Administrativos em Instituições de Ensino Superior Públicas do Brasil (Fasubra) e outra escrita pelos diretores do SINTUFCe. Os documentos pedem o apoio do reitor na luta pela reformulação do PCCTAE na ANDIFES (Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior).

 

DECLARAÇÃO DE APOIO 

Após ouvir atentamente os servidores e o diretor do SINTUFCe, o reitor disse que está sempre aberto ao diálogo e se mostrou disposto a procurar, em conjunto, soluções para os problemas elencados. Ainda prometeu levar parte das reivindicações para a ANDIFES e para outras instâncias em que participa na condição de dirigente, como a Rede Nordeste de Reitores (RENE) e a União para o Conhecimento. 

Ele reconheceu que alguns dos problemas apresentados também preocupam a reitoria, como a evasão de profissionais, que compromete a qualidade da gestão e pode trazer sérios riscos ao próprio funcionamento das universidades federais. O reitor, inclusive, prometeu levar as questões do PCCTAE para parlamentares do Ceará e de Brasília.   

 

ENTENDA A CIS

A Comissão Interna de Supervisão do Plano de Carreira dos Cargos Técnico-administrativos em Educação da Unilab (CIS) auxilia a área de gestão de pessoas da universidade, fiscalizando e avaliando a implementação do PCCTAE no âmbito da instituição. 

Pode ainda apresentar propostas e fiscalizar a elaboração e a execução do Plano de Desenvolvimento de Capacitação de Pessoal e os programas de avaliação de desempenho e de dimensionamento das necessidades de pessoal e modelo de alocação de vagas. A CIS também avalia anualmente as propostas de lotação da UNILAB bem como acompanhar o processo proposto pela área de gestão de pessoas.

Os integrantes da CIS - Karla Mayara Florentino, Victor Teixeira Noronha e Lucas Lucena da Silva - foram eleitos por votação nominal e cumprirão um mandato de três anos.

 

ESTADO DE GREVE 

Os TAEs (técnicos-administrativos em educação) da UFC, UFCA e UNILAB estão em estado de greve desde 20 de dezembro, quando a categoria participou de uma assembleia realizada pelo SINTUFCe.  A proposta do governo, de reajuste zero em 2024, não contempla os trabalhadores e as trabalhadoras das universidades federais, uma vez que todos amargam anos sem reajuste. Além disso, os TAEs ainda lutam pela reformulação do PCCTAE, proposta que já está nas mãos do governo.

 

No dia 22 de fevereiro, o SINTUFCe vai realizar um ato, nos jardins da Reitoria da UFC, para acompanhar a mesa de negociação específica da categoria dos TAE com o Governo Federal. 




Leia as cartas entregues ao reitor:

REIVINDICAÇÃO PCCTAE 

Aos reitores da UFC, UFCA e UNILAB

contact
Endereço
Rua Waldery Uchoa, 50 | CEP: 60.020-110, Benfica / Fortaleza-CE
Recepção Sintufce
(85) 99199-7807