Uma delegação cearense formada por representantes do Sindicato dos Trabalhadores das Universidades Federais no Estado do Ceará (Sintufce) e servidores técnico-administrativos da UFC, UFCA e Unilab participou na manhã desta terça-feira (13), em Brasília, de uma marcha unificada rumo ao Congresso Nacional em protesto contra o desmonte do serviço público e em defesa dos direitos dos trabalhadores. Participaram do ato cerca de 15 mil pessoas de vários estados brasileiros, entre sindicalistas, trabalhadores e estudantes.

De acordo com Keila Camelo, coordenadora geral do Sintufce, esse ato é importante porque agrega vários setores do serviço público e da iniciativa privada. "A única saída para barrarmos esses projetos políticos que ameaçam os nossos direitos e o serviço público no país é a unidade da classe trabalhadora. Independente das nossas diferenças precisamos construir essa unidade para que possamos avançar e barrar no Congresso o PLP (257/16) e a PEC (241/16) que representam um retrocesso tanto do ponto de vista trabalhista como da democracia do nosso país", avaliou a coordenadora.

Desde o dia 9 deste mês, representantes do Sintufce participam de atividades políticas convocadas pela FASUBRA e pelas entidades e centrais sindicais que compõem o Fórum Nacional dos Servidores Públicos Federais. Na ocasião, foi aprovado um calendário de mobilizações no Ceará, que deverá culminar com uma paralisação nos dias 22 e 29 de setembro. Segundo a direção do Sintufce, esses atos servirão como termômetro para a deflagração de uma greve geral da categoria. "Não vamos aceitar a retirada dos nossos direitos e precarização do serviço público. Por isso, estaremos na linha de frente em defesa dos direitos dos nossos trabalhadores e na construção de uma greve geral", finalizou Keila Camelo.

contact
Endereço
Rua Waldery Uchoa, 50 | CEP: 60.020-110, Benfica / Fortaleza-CE
Telefone
3052.3650 / Fax: 3052.3651