Cerca de 600 pessoas participaram de um ato contra a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 55 (antiga PEC 241), na manhã da última quinta-feira (10/11), no município de Baturité. O Sindicato dos Servidores das Universidades Federais no Ceará (Sintufce) participou do ato com diversas outras entidades sindicais, que mobilizaram estudantes e servidores públicos da região, e alertaram a população sobre os ataques do governo Temer contra a saúde e a educação pública no país.

Os servidores técnico-administrativos da Universidade Federal do Ceará (UFC), da Universidade Federal do Cariri (UFCA) e da Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab), em Redenção, estão em greve desde o final de outubro, em protesto contra a votação da PEC 55, que tramita no Senado Federal.

Uma manifestação contra a aprovação da Proposta de Emenda Constitucional (PEC) 241/16 ocupou as ruas da Praia de Iracema neste sábado (22). Com muitos cartazes e discursos de protestos, os manifestantes gritaram durante todo o percurso a popular frase "Fora, Temer!". De acordo com a organização do evento, cerca de mil pessoas compareceram ao ato político, com concentração na Praça Cristo Rei, em frente ao seminário da Prainha, em direção à Beira Mar.

Diversos sindicatos, entidades, associações e movimentos sociais compareceram ao ato político, com destaques para estudantes e profissionais ligados às áreas de educação e saúde. Além da PEC 241, que limita o investimento do Governo Federal pelos próximos 20 anos, outras causas alvo de protesto foram: a Medida Provisória 746, que prevê a reforma do Ensino Médio; e o Projeto de Lei 54/257, que prevê o congelamento do salário mínimo.

Diversos sindicatos, entidades, associações e movimentos sociais cearenses estão somando forças em um grupo de mobilização contra os ataques do Governo Federal à Educação, aos serviços públicos e aos investimentos sociais como um todo. O grupo, integrado pelo Sindicato dos Trabalhadores das Universidades Federais do Ceará (Sintufce), ADUFC Sindicato, Sindicato dos Servidores do IFCE (SINDSIFCE), Sindicato dos Docentes da Uece (SINDUECE), Sindicato dos Docentes da Unilab (SINDUNILAB), Coletivo Graúna (de professores da UFC), entre outras entidades de servidores e estudantes, reforça o chamado para grande manifestação a ser realizada neste sábado (22/10), às 16h, com concentração na Praça Cristo Rei, em frente ao Seminário da Prainha e ao lado do Centro Dragão do Mar, na Praia de Iracema.

Na última sexta-feira (14), o Sindicato dos Trabalhadores das Universidades Federais no Estado do Ceará (Sintufce) realizou um sonho antigo da categoria com a inauguração da sede social do sindicato.

Localizada na Rua Nossa Senhora dos Remédios, no bairro Benfica, o novo ambiente proporcionará aos técnico-administrativos da UFC, UFCA e UNILAB um espaço descontraído para momentos de lazer, interação e capacitação, como explica a coordenadora Geral do Sintufce, Keila Camelo, "os filiados terão vários serviços gratuitos como cursos de formação, atividades físicas, consultas com um clínico geral e várias oportunidades de ser reencontrarem com os colegas da Universidade. Ter uma sede própria para os filiados é um sonho que está se concretizando com a gestão Vamos à Luta com Ética e Transparência".

O Sindicato dos Trabalhadores das Universidades Federais no Estado do Ceará — SINTUFCE, no uso de suas atribuições legais e estatutárias, convoca todos os servidores técnico-administrativo da UNILAB para Assembleia Geral da categoria no dia 19 de Outubro de 2016 (quarta-feira), no auditório administrativo do Campus da Liberdade, às 9h

contact
Endereço
Rua Waldery Uchoa, 50 | CEP: 60.020-110, Benfica / Fortaleza-CE
Telefone
3052.3650 / Fax: 3052.3651